Soimpex: melhores parceiros e preços para superar pandemia

Soimpex: melhores parceiros e preços para superar pandemia

Diferenciais da trading do Grupo Sotreq garantem trabalho com o mercado externo aquecido

 

A pandemia causada pela Covid-19 está mexendo com a economia mundo afora. Neste cenário, é natural que muitas empresas busquem ou reforcem seus negócios com o mercado externo, aproveitando um câmbio favorável para exportar seus produtos.

A Soimpex, trading do Grupo Sotreq, tem conseguido uma boa performance no que sabe fazer melhor: facilitar a vida das empresas com o comércio internacional. Mesmo diante de condições adversas no mercado externo em geral, a Soimpex mostra seu diferencial com a viabilização de bons negócios.

 

Melhores parceiros e bons preços

“Alguns Portos diminuíram as escalas dos navios e alguns armadores aumentaram o preço dos fretes internacionais. No entanto, a Soimpex tem o diferencial de fechar com os melhores parceiros do mercado e estamos conseguindo preços diferenciados para enviar para o cliente”, afirma Vivian Nascimento, consultora comercial da Soimpex.

Além disso, explica Vivian, alguns gargalos como trabalho por escala nas fronteiras têm aumentado o tempo de nacionalização da carga. “Mas o cliente já está ciente e nosso serviço de follow-up se intensificou com as notícias sobre a carga”, ressalta a consultora.

 

Foco nas exportações

Vivian explica que, mesmo com o dólar alto, a Soimpex trabalha com a resiliência que lhe é peculiar. “Mesmo com volume baixo de importação, estamos aproveitando esse período para trabalhar da melhor maneira nas exportações, já que com o dólar em alta fica mais favorável realizar exportações. Em momentos de crise, a palavra de ordem é fazer diferente, sair da caixinha e se reinventar”, diz ela. 

As exportações brasileiras, aliás, tiveram um desempenho excelente em junho deste ano, o que contribuiu para o melhor superávit da balança comercial do mês desde 1989, com US$ 7,46 bilhões. A expectativa do governo é de fechar 2020 com um saldo positivo de US$ 55,4 bilhões.

 

Home office e muito trabalho

Assim como grande parte das empresas, os profissionais da Soimpex estão em home office, se adaptando à nova realidade. Vivian afirma que o volume de trabalho aumentou, assim como a sintonia na equipe. Com foco na organização e disciplina, o sucesso é certo, tanto em número de faturamento como em volume de leads trabalhados.

“Como todos estão trabalhando de casa, às vezes a internet cai, mas temos disponibilidade em nossos celulares, 24 horas por dia e sete dias por semana. Nosso foco é mitigar os problemas dos clientes e tratá-los ainda com mais atenção e carinho do que já fazemos de costume”, ressalta Vivian. A parte comercial está trabalhando de casa há mais de 90 dias.

Os colaboradores de serviços e operacional estão indo ao escritório com regime de escala, utilizando máscara e obedecendo a distância mínima de convívio. Foram distribuídos álcool em gel para higienização das mãos e a limpeza do escritório tem sido feita de maneira severa, com objetivo de obedecer às recomendações da OMS e aos decretos do Governo do Estado do Espírito Santo, onde fica a sede da Soimpex.

 

Treinamentos, reciclagens e otimismo

A trading aproveita este período de pandemia para ajustar alguns procedimentos internos e melhorar cada vez mais no atendimento dos clientes. São treinamentos, cursos online e reciclagens, tanto no profissional quanto na parte pessoal, no que tange à inteligência emocional e à relação interpessoal. 

“Estamos muito otimistas que tudo isso irá passar em breve. Sairemos muito melhor desse período e estaremos prontos para grandes desafios, em relação ao volume de negócios e novos clientes. Não vemos a hora de voltar a visitar os nossos clientes e participar de feiras e eventos”, finaliza Vivian.

Comentar