Com programa de reforma Sotreq, empresa revitaliza equipamentos para manter produtividade em mina

Com programa de reforma Sotreq, empresa revitaliza equipamentos para manter produtividade em mina

CPT promove o recondicionamento da máquina por uma fração de custo de uma nova

 

O trabalho em mina exige operações com caminhões fora de estrada que, assim como qualquer equipamento, tem os componentes desgastados com o tempo de uso. A Mosaic, uma das maiores empresas do mundo em produção e comercialização de fosfato e potássio combinados, e que no Brasil atua na produção, importação, comercialização e distribuição de fertilizantes para aplicação em diversas culturas agrícolas, possui diversas máquinas 775G Cat®, e quatro delas, que contavam com uma média de 21 mil horas trabalhadas há quatro meses foram reformadas.

 

Foi então que a empresa fechou contrato com a Sotreq para uma Reforma Certificada Cat® do Trem de Força (CPT), um programa abrangente de recondicionamento que inclui as atualizações mais recentes de engenharia para o trem de força do equipamento por uma fração do custo de uma máquina nova.

 

“Avaliamos a condição dos componentes e nossa necessidade de produção para o ano de 2018 e 2019. Em cima desses pontos buscamos a melhor alternativa de executar esta ação estratégica em um curto espaço de tempo”, comenta Frederico Gomes Pitombeira, Engenheiro Mecânico da Manutenção de Mina de CMC I.

 

Nessa reforma geral, os padrões técnicos de troca de peças são mais rígidos que o normal e o cliente passa a disfrutar de uma garantia mais abrangente e duradoura.

 

“Em outras palavras, ao reformar todo o conjunto de trem de força, o revendedor proporciona uma segunda vida do ativo ao cliente”, explica Twerge Lopes, da área de Suporte ao produto da Sotreq, em Uberlândia.

 

Os equipamentos estavam sendo utilizados na unidade de Catalão (GO) da empresa, e foram direcionados para as oficinas da Sotreq de Contagem (MG) e Sumaré (SP). As reformas foram realizadas em uma média de 100 dias. Foram realizados serviços no conjunto do trem de força, sistema elétrico e hidráulico, pintura, dentre outros.

 

Durante todo o processo, a Mosaic teve o apoio comercial e técnico da Sotreq. Para garantir a operacionalidade dos equipamentos, a Sotreq disponibilizou (sem qualquer custo adicional) um técnico durante o período administrativo na unidade de CMC I para acompanhamento dos equipamentos.

 

“Contamos com uma equipe da Sotreq bastante engajada, que nos ofereceu alternativas para que pudesse ser executado esse processo. Fica aqui a menção ao Twerge Lopes e a Kelly Fernanda Marques Cordeiro, que foram constantes e importantes durante todo trabalho”, comenta Pitombeira.

 

E completa: “A minha expectativa e que estes equipamentos apresentem a melhor eficiência possível, garantindo a disponibilidade e confiabilidade dos produtos Cat®”.

 

Atualmente, boa parte da frota da Mosaic é composta por equipamentos Cat®, por isso, a empresa utiliza com frequência serviços de mão de obra especializada Sotreq, análise de óleo, reforma de componentes e de equipamentos.